São Paulo -

NOTÍCIA

Publicado 11/06/2018

CONTRASP reivindica medidas urgentes contra ataques a carros-fortes na ABTV e Fenaval

Entre inúmeras ações realizadas contra os ataques a carros-fortes no Brasil, a CONTRASP, esteve na manhã de ontem (05/06), em Brasília, com a ABTV e a Fenaval cobrando medidas urgentes também das empresas para inibir os sinistros que estão massacrando os vigilantes.

 

Os números são alarmantes. A Pesquisa Nacional da CONTRASP denuncia  56 ataques a carros-fortes apenas até maio deste ano – um aumento de 30,2% em relação ao mesmo período do ano anterior. Em relação às vítimas fatais, os números são assombrosos: houve um aumento de 450% no número de mortos nestes sinistros.

 

“É uma preocupação muito grande com quantidade de ataques violentos no Brasil, com inúmeras perdas de vidas de profissionais de transporte de valores. Precisamos mudar muitas questões, como o armamento, o número de dinheiro transportados nas rodovias, assistência psicológica e precisamos saber o que as empresas estão fazendo, além de reivindicar segurança aos trabalhadores”, explica João Soares, Presidente da CONTRASP.

 

Na ocasião, também foi denunciado a conduta de empresas no Brasil que absurdamente demitem os vigilantes após sofrerem um ataque. Foi requerido estabilidade e proteção do emprego de todos os trabalhadores que forem vítimas de ataques, assim como abertura de CAT e acompanhamento psicológico para os vigilantes e famíliares.

 

Além disso, na ocasião, também foi reivindicado a troca de armamento para coibir futuros ataques e apresentar um melhor poder de defesa e reação aos vigilantes, a retirada do SIPE, diminuição dos valores transportados nas rodovias e ressaltado importância do diálogo com todos do segmento.

 

Segundo Ruben Schechter, presidente da ABTV, todas as reivindicações serão repassadas para um grupo de estudo. A CONTRASP seguirá acompanhando e pleiteando as mudanças em todas as esferas possíveis.

 

Estiveram presentes na reunião o Presidente da CONTRASP, João Soares, o presidente do Sindfort-PE, Cláudio Mendonça, o presidente do SindValores-CE e da Fesvine, Wellington Nascimento, o presidente do Sindeesfort-PR, Junior Gomes Santos e Ronaldo Libério do Sindeesfort-PR, o presidente do Seesvig/MS e da FITV, Celso Adriano Gomes da Rocha e o presidente do SEESVDA/MS, Antônio Goés.

 

IMG_8823 IMG_8802 IMG_8822 IMG_8818 IMG_8804 IMG_8802 IMG_8799 IMG_8797 IMG_8796 IMG_8795 IMG_8792 IMG_8790 IMG_8787 IMG_8780    IMG_8767 IMG_8765IMG_8779IMG_8768



Fonte: CONTRASP - http://contrasp.org.br/noticia/contrasp-reivindica-medidas-urgentes-contra-ataques-a-carros-fortes-na-abtv-e-fenaval

Compartilhar...